sábado, 3 de maio de 2014

Como dizia Jack, o Estripador, vamos por partes…

Eu gosto de resolver problemas aos poucos. Um grande problema que às vezes nos parece insolúvel à primeira vista, geralmente pode ser decomposto em problemas menores com soluções mais simples. Daí, é só uma questão de tempo até que o tenhamos totalmente resolvido. É um velho chavão, mas uma longa caminhada é feita um passo de cada vez.

Porém, não dá pra achar que absolutamente tudo pode ser resolvido assim. Há coisas que têm que ser feitas de uma vez só.

Já que estamos falando de Jack, com o perdão do trocadilho, gosto de citar como exemplo de exceção à regra uma velha piada dos inglêses. Um dia, a Grã Bretanha resolveu que iria mudar a mão de direção das suas ruas para ficar igual ao resto do mundo (não, não é essa a piada). Dada a magnitude do problema, resolveram dividi-lo em partes. Assim, no primeiro mês a mão seria invertida apenas para os ônibus e caminhões e no seguinte para os carros. Claro que não ia passar do primeiro dia sem ocorrer uma catástrofe.

Mas o que é piada lá fora, no Brasil temos o hábito de torná-las realidade. Vejam o que está acontecendo numa rua movimentada atrás de onde moro, em São Bernardo.

A rua tem (ou tinha) duas mãos de direção em frente a uma escola. Com o intuito de melhorar o tráfego na hora da saída dos alunos, a Prefeitura está mudando a rua para mão única até um determinado quarteirão. O gerúndio “está mudando” é perfeitamente cabível nesse caso, pois há três dias pintaram toda a sinalização de piso, mas não mudaram a sinalização vertical, ou seja, não apenas mantiveram as placas antigas que sugerem o duplo sentido da rua, como não instalaram as novas placas de contra-mão e de conversão obrigatória.

Resultado, em 2 minutos que fiquei parado na esquina observando, pude flagar diversas situações de risco. Resta torcer para que não aconteça nenhuma cagada nada de ruim até completarem o trabalho.

 

2014-05-02 - Barbeiragem de sinalização 01 - Cópia

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails