quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Duas de buffet

Buffet? Bufet? Bifê?

Enfim, não importa muito como se escreve essa palavra de origem francesa, o fato é que esses estabelecimentos de terceirização de festas existem em cada vez em maior número. Aqui mesmo na rua onde moro há pelo menos cinco. Nesses buffets, o dono da festa é mais um dos convidados e, desde que não seja um neurótico por organização, não terá grandes estresses e poderá se divertir com os amigos. Há um preço para isso, é claro, não é para qualquer um, mas nem precisa lavar os pratos depois.

O melhor mesmo é em festas infantis, nas quais os pais chegam, deixam seus filhos na porta e voltam algumas horas depois para apanhá-los. E foi isso que fez um amigo do meu irmão. Numa dessas ruas cheias de buffets em São Paulo, ele foi pegar o filho que havia deixado em uma festa e fez o tradicional check up:

- E aí, filho, tava boa a festa?

- Tava… (silêncio)… mas não era a festa do meu amigo…

O pai havia errado o endereço e deixado o filho num buffet vizinho.

Já com uma outra amiga, ocorreu um pouco diferente. Ela e o marido foram à festa de uma amiguinho de seu filho, comeram alguns petiscos, beberam, mas meia hora depois de chegarem ela começou a estranhar a decoração meio em tons de rosa a lilás. Foi checar e a festa correta seria dali a quinze dias. Saíram de fininho…

2012-03-08 Buffet Bella Festa

2 comentários:

JOTA ENE ✔ disse...

Adoro degustar um bom 'buffet' num restaurante chinês, rs

PS - Amigo EDSON, nova capicua lá no meu tasco !

Edison Junior disse...

Passo sempre por lá, meu caro Jota Ene! Abraços!

Related Posts with Thumbnails