sexta-feira, 26 de outubro de 2012

A justiça brasileira tarda… mas demora

Uma indústria automobilística foi condenada na semana passada a pagar indenização de $ 124 mil a um cliente prejudicado por defeitos em seu veículo 0km. O sujeito comprou o carro para utilizar como taxi e não conseguia rodar com ele, portanto, não trabalhava, e como não conseguiu pagar as prestações foi incluído na lista de pessoas inadimplentes e… bem, pode-se imaginar o transtorno.

Até aí, tudo bem, justiça feita e coisa e tal, o problema é que o carro em questão deixou de ser fabricado há quase 20 anos! Sim, havia pelo menos 20 anos que esse senhor esperava pelo resultado de sua ação.

Um comentário meu: imagino quanto os advogados envolvidos, tanto da empresa quanto do reclamente, receberam ao longo desses 20 anos. Taxas, honorários, documentos, averbações etc. Deve ter sido muito mais que R$ 124 mil. Se soubessesm disso desde o início, provavelmente nenhuma das partes teria entrado nessa roubada, mas certamente os advogados devem ter aconselhado a não desistir, pois a ação "vai ser resolvida em um mês, no máximo dois…"

Justiça

Não acredita? Então clique aqui.

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails