quarta-feira, 7 de setembro de 2011

1000!

Rogerio 1000

Rogério Ceni completa hoje 1000 jogos como goleiro titular do São Paulo. Mais uma marca entre outras tantas já conquistadas por ele. Ele é um ídolo 99,99% da torcida do São Paulo. Muitos o consideram um mito.

Um “mala” para alguns, arrogante e presunçoso para outros, o fato é que a história que ele fez (e ainda tem por fazer) no clube que defende há exatos 21 anos tem poucos paralelos na história do futebol. Excelente goleiro, embora nunca tenha sido o melhor do mundo e talvez nem o melhor que o São Paulo já teve, viveu momentos brilhantes, como na vitória sobre o Liverpool em 2005, e colecionou uns franguinhos, que as conquistas ofuscarão e tornarão sem importância. Artilheiro, marcou mais de 100 gols, provavelmente algo equivalente a um jogador de linha marcar 1000. Líder em campo, suas palavras e atitudes mudaram muitas vezes o resultado de uma partida e o ânimo da equipe. Tem ótima visão de jogo, não foram poucas as jogadas de gol que sairam de seus pés. Mas, para mim, é sobretudo pelo amor à camisa que ele vale mais. Joga como o torcedor da arquibancada (ou do sofá, no meu caso) jogaria se estivesse em campo. Fica alegre ou triste na mesma medida.

Rogério está para o sãopaulino como Pelé está para o santista, Sócrates (força!) para o corintiano e Marcos para o palmeirense, só para citar alguns exemplos aqui de São Paulo. Em comum, eles têm o fato de serem símbolos de seus clubes, idolatrados pelos seus torcedores e, isso é muito significativo, admirados por torcedores dos times adversários.

Edison - Rogério 100 1

Não gosto muito de falar sobre futebol nesse meu cantinho, mas não posso deixar passar essa data em branco. Parabéns RC, e obrigado pela alegrias que você já me deu.

2 comentários:

Anônimo disse...

Merecida homenagem.

O JT publicou ontem uns dados comparativos, que nos dão a real grandeza dos números do Rogério:

Recordistas de jogos pelo São Paulo:

Rogério Ceni – 1000 / Waldir Perez – 617 / Poy – 565 / Teixeirinha – 533 / De Sordi – 501

Recordistas de jogos por outros clubes:

Pelé (Santos) – 1114 / Roberto Dinamite (Vasco) – 1075 / Ademir de Guia (Palmeiras) – 901 /
Junior (Flamengo) – 874 / Wladimir (Corinthians) - 806

Ademir

mara* disse...

Felicitações ao futuro dirigente do SPFC.

bjus

Related Posts with Thumbnails