sexta-feira, 26 de junho de 2009

Michael Jackson e suas vendas

Michael Jackson, em que pese sua qualidade e originalidade artística, foi um dos primeiros e mais bem sucedidos sucessos fabricados pela televisão. Depois dele os clipes musicais nunca mais foram os mesmos. Ironicamente, foi a mesma televisão quem destruiu sua imagem. É verdade que ele também contribuiu para isso.

Parece unânime entre todas as fontes que eu consultei que ele vendeu (até ontem) perto de 750 milhões de discos. Já a informação sobre seu álbum mais vendido, Thriller, varia muito, entre 50 a 104 milhões de cópias. Por que essa variação? Será tão difícil essa contabilidade?

É complicado acreditar nos números divulgados pelas gravadoras, embora ela seja a única fonte a ter o número exato uma vez que fabricou os discos, mas é também a maior interessada em superfaturar esse número, pois muita gente compra o disco só porque os outros estão comprando. Vende muito porque vende muito. Ponto.

Bom, mas o que me causa estranheza é que mesmo considerando o número maior de 104 milhões de discos, isso representa apenas 13,8% do total vendido. Para que isso acontecesse, Michael Jackson teria que lançar pelo menos mais 13 discos com metade dessa espetacular marca de 104 milhões! Não me parece nem um pouco plausível.

Eu e minha eterna chatice com os números publicados pela imprensa…

Atualização em 04/07/2009, com um gráfico da Veja:

Michael Jackson

Então, esses são os álbuns mais vendidos. Somam 213 milhões. Onde estão os outros 537 milhões?

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails