quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Celulares verdes


O grande lance agora dos fabricantes de telefones celulares é promover a venda de “celulares verdes”, ou seja, que utilizam materiais recicláveis, como garrafas pet e outras coisas parecidas.

Preocupação ecológica? Claro que não, é puro lance de marketing.

É melhor do que nada, mas se estivessem realmente interessados em preservar o meio ambiente, deixariam de nos impingir novos aparelhos a cada 6 meses, com fantásticas inutilidades que nos fazem ter vontade de jogar fora o aparelho “velho” e comprar um novo.

A energia gasta para produção de um celular, um dos gadgets mais rapidamente descartáveis que eu conheço, mais o lixo gerado no processo produtivo e o descarte final do aparelho, constitui-se numa situação verdemente insustentável, mesmo a curtíssimo prazo.

2 comentários:

Marília disse...

Aposto que vão vender um monte!

Mário Júnior disse...

Produção destrutiva e fetichismo da mercadoria não funcionam comigo.

Pelo menos o fetichismo não...

E na boa: verde é uma cor feia! Não compraria um celular verde nem se estivesse precisando de um celular. Compraria de qualquer outra cor.

Related Posts with Thumbnails