sábado, 18 de outubro de 2008

Oscar Peterson


Nas minhas audições iniciais de jazz, eu curtia muito solos de bateria. Por causa de um deles, o de Louis Bellson, no álbum gravado ao vivo no festival de Montreux de 75, com o grupo The Oscar Peterson Big 6, comecei a prestar atenção nesse grande pianista.

Falta-me conhecimento técnico suficiente para falar de sua técnica e de como sua mão direita e esquerda passeiam leves pelo piano. Então, eu passo. Só sei que o resultado é absolutamente fantástico. Para se ter uma idéia, aos 70 e tantos anos, ele ainda estudava piano durante 9 horas por dia.

No início dos anos 80 ele veio ao Brasil para três apresentações no Teatro Municipal de São Paulo. Comprei ingresso num dos melhores lugares para a última noite. Chegando lá, estranhei a pouca quantidade de gente na porta do teatro. O show havia sido cancelado, pois o artista havia brigado com o empresário. Não sei a razão da briga, mas fiquei com raiva do empresário.

O dinheiro foi devolvido, mas a frustração só seria superada anos depois, quando ele voltou ao Brasil para uma apresentação no Parque do Ibirapuera, em 1996. Levei meus filhos e minha tia Regina, que morava ali por perto. Mesmo debilitado por um derrame sofrido alguns antes – chegou em cadeira de rodas trajando um magnífico paletó cor de rosa – o show foi fantástico.

A primeira foto fui eu que tirei. A segunda, muito mais profissional, baixei do blog do fotógrafo Armando Catunda (
http://i-digitais.blogspot.com/2007/07/oscar-peterson-niels-henning-rsted.html):




De brinde, segue um trecho da música Blues Etude, extraída do DVD The Berlin Concert, gravado ao vivo em 1985. É ou não é duca?


Oscar Peterson era canadense. Nasceu em 15 de agosto de 1925 e faleceu em 23 de dezembro de 2007.

Um comentário:

Marília disse...

Olha a cara de admiração do contrabaixista!

Related Posts with Thumbnails